” Esperei ansiosamente por Javé. Ele se inclinou para mim, e ouviu o meu grito. Fez-me subir da cova fatal, do brejo lodoso; colocou meus pés sobre a rocha e firmou os meus passos; pôs em minha boca um cântico novo, um louvor ao nosso Deus. Vendo isso, muitos irão temer, e confiarão em Javé. Feliz é o homem que confia em Javé! Ele não se volta para os soberbos, nem para os seguidores da mentira. Quantas maravilhas realizaste, Javé meu Deus! Quantos projetos em nosso favor! Ninguém se compara a ti! Quero anunciá-los, falar deles, mas ultrapassam qualquer conta. “

Por ter colocado a esperança em Deus, o salmista é libertado de um perigo de morte. Essa libertação é o próprio agir de Deus, que o tira da cova fatal, põe um canto em sua boca e faz com que toda a comunidade se alegre, participando do agradecimento pela libertação.

ORAÇÃO : Quantas maravilhas realizas em nosso favor, ó Deus. São tantas, que nosso agradecimento nunca será o bastante. Obrigado por tua ação no meio dos empobrecidos, dos sofredores, dos aflitos. Obrigado por te inclinares a nós e nos libertares continuamente.

Amém!

Extraído do livro : “365 dias com os Salmos, de Paulo Bazaglia”

Anúncios