Tudo pronto para o primeiro Angelus de Francisco em Castelgandolfo, domingo, 14 de julho. Será a segunda vez do novo Papa na pequena cidade onde os seus predecessores costumavam passar o período de verão.

A primeira foi dez dias após sua eleição, em 23 de março, no histórico encontro com o Papa emérito Bento XVI.
Francisco chegará à Vila Pontifícia às 9h30, de carro. Depois da entrada pelo portão «Marino», vai receber no pátio os funcionários da residência. Também estarão lá, para saudá-lo, o bispo de Albano, Dom Marcello Semeraro, o diretor da Vila, Saverio Petrillo, e a prefeita de Castelgandolfo, Milavia Monachesi.

Ao meio-dia, o esperado momento de encontro com a comunidade, para a oração mariana do Angelus, que será celebrado no portão central da residência apostólica. Em seguida, Francisco almoça com a comunidade dos jesuítas do Observatório astronômico (‘Specola vaticana’), que é dirigido por um argentino, Padre José Gabriel Funes. Logo depois, o Papa Bergoglio retornará ao Vaticano.
O Programa Brasileiro transmitirá a oração do Angelus presidida pelo Papa ao vivo, com comentários em português, a partir das 6h50 (hora de Brasília).

Anúncios