A tragédia dos mineiros soterrados nas galerias de uma mina da Turquia e as pessoas que perderam a vida nos últimos dias, afogados no Mediterrâneo – foram recordados com grande participação pelo Papa, no final da audiência geral de hoje, convidando a rezar por uns e por outros:
“Convido-vos a rezar pelos mineiros que ontem morreram na mina de Soma, na Turquia, e por todos os que se encontram ainda bloqueados nas galerias. O Senhor acolha na Sua casa os defuntos e conforte os seus familiares.
Rezemos também pelas pessoas que nestes dias perderam a vida no Mar Mediterrâneo. Coloquem-se no primeiro lugar os direitos humanos e unam-se as forças para prevenir estes vergonhosos morticínios”
Prosseguindo a série de catequeses sobre os dons do Espírito Santo, Papa Francisco falou hoje do dom da Fortaleza. Eis o resumo proposto em língua portuguesa:
“Com o dom da Fortaleza, o Espírito Santo vem em auxílio das nossas fraquezas e limitações. No Evangelho, Jesus fala-nos do Pai do Céu que, à semelhança do semeador, lança a semente da sua Palavra no nosso coração; muitas vezes, porém, este coração é terra árida na qual a Palavra, mesmo acolhida, corre o risco de ficar estéril.
Com o dom da Fortaleza, o Espírito Santo liberta o terreno do nosso coração da tibieza, de incertezas e medos que impedem a Palavra divina de frutificar. Hoje não faltam situações de perseguição, nas quais os cristãos continuam a celebrar e testemunhar a sua fé a preço da própria vida; isto é inexplicável humanamente. Só se explica com a ajuda do Espírito Santo que infunde fortaleza e confiança mesmo nas circunstâncias mais difíceis da nossa vida.
Mas faz isso só nestas situações extraordinárias? Não! O dom da Fortaleza alimenta a nossa santidade na vida ordinária de cada dia. Para vencermos a preguiça ou o desânimo que nos assaltam, invoquemos o Espírito Santo que sempre comunica nova força e entusiasmo à nossa existência vivida seguindo os passos de Jesus.”
Não faltou uma saudação especial aos peregrinos lusófonos:
Uma cordial saudação a todos os peregrinos de língua portuguesa, especialmente ao grupo de Schoenstatt e aos fiéis de Franca e do Rio de Janeiro. Este mês de Maria convida-nos a multiplicar diariamente os actos de devoção e imitação da Mãe de Deus. Rezai o terço todos os dias! Deixai a Virgem Mãe possuir o vosso coração, confiando-Lhe tudo quanto sois e tendes! E Deus será tudo em todos… Assim Deus vos abençoe, a vós e aos vossos entes queridos!”

 

Por news.va